Radio Music Player Free Online

sexta-feira, maio 15, 2009




MAIS UMA POSTAGEM SOLIDÁRIA, ATENDENDO PEDIDO DE MINHA QUERIDA AMIGA GRAÇA GRAÚNA, TALENTO PURO LÁ DE PERNAMBUCO .

A tradição oral e as novas tecnologias da memória, Rio de Janeiro, RJ · 15/6 a 20/6
graça grauna · Jaboatão dos Guararapes (PE) · 4 · 15/5/2009 14:06 ·

Entre os dias 15 e 20 de junho de 2009, no Rio de Janeiro, acontecerá o VI Encontro Nacional de Escritores(as) e Artistas Indígenas. O tema em pauta enfatiza a “A tradição oral e as novas tecnologias da memória”. O objetivo é discutir os usos das tecnologias para a preservação e a atualização da memória ancestral de nossa gente. O Encontro acontece no XI Salão do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) e pretende também reunir pessoas que estão desenvolvendo trabalhos teóricos e práticos dentro desta área de pesquisa com especial enfoque na produção literária. O evento se realizará junto ao 11º Salão FNLIJ , no Centro Cultural Ação da Cidadania. Participarão do VI Encontro, parentes indígenas oriundos das diversas regiões do Brasil. Da programação, vale ressaltar o momento em que estaremos reunidos com os imortais da Academia Brasileira de Letras, com os educadores das redes pública e particular de ensino, com estudantes universitários da Universidade Estadual do Rio de janeiro (UERJ) e da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Em meio ao evento atenderemos as crianças e jovens em nosso estande institucional dentro do salão do livro. Daniel Munduruku, presidente do Instituto Indígena Brasileiro para a Propriedade Intelectual (Inbrapi) e grande artivulador do VI Encontro, fala da expectativa de trazer o debate para o universo da literatura a fim de “mostrar como esta atualização está se dando de forma a complementar – e não destruir – a oralidade dos povos indígenas brasileiros”. Para Daniel, a intenção é “contribuir para o desenvolvimento de um pensamento holístico que mostre o congraçamento entre tradição e as tecnologias”. Confira a programação:Dia 17 de Junho - Período da manhãRitual e mesa de abertura com a presença de Beth Serra e convidados.Palavras de boas vindas por Daniel MundurukuTEMA: CAMINHOS DA MEMÓRIAMesa 01: Memória, Oralidade e Literatura.Mediação: Ely Macuxi Graça Graúna – Doutora em LiteraturaMarcos Terena – Liderança e diretor do Memorial dos Povos Indígenas de Brasília.Severiá Xavante – Professora de Língua e Literatura brasileira.INTERVALO: CONTAÇÃO DE HISTÓRIASMesa 02: Memória, Oralidade e as artes (grafismo, dança, música e ritual).Mediação: Eliane PotiguaraSiridiwê Xavante – Coordenador do Instituto das Tradições Indígenas - IDETILuciana Kaingang – Artista Plástica e Graduanda em Biologia pela UPF. Atua como educadora social no Ponto de Cultura Kaingang Xohã Karajá – Artista Plástico e arte-educadorPeríodo da tardeTEMA: NOVAS TECNOLOGIAS DA MEMÓRIAMesa 01: Memória: Imagem em açãoAthya Pankararu – Diretor da Ong indiosonline que utiliza a internet para divulgação dos conhecimentos ancestrais.Isabel Taukane – Coordenadora do “Círculo dos saberes” que reúne jovens de diferentes povos do Mato Grosso com o objetivo de reavivar a cultura tradicional.Um representante da ONG videonasaldeias iniciativa que faz registro de imagens dos diversos saberes tradicionais.Mediação: Ailton Krenak – Jornalista, diretor do Núcleo de Culturas Indígenas e da “Aliança dos Povos da Floresta”. MOSTRA DE FILMES INDÍGENASSorteio de livros e cultura material para o público presente.Encerramento do seminário com a presença de Beth Serra, da FNLIJ.

3 comentários:

graça grauna disse...

Poetamigo Ivan: dizer muito obrigada é pouco diante da sua bondade e tempo que reservou para divulgar a nossa ainda tão excluida literatura indígena.Conte semper comigo. Paz em Ñanderu, Grauninha

Joe_Brazuca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Joe_Brazuca disse...

(errei...rsrs)

que bela matéria da nossa amiga Graúna, Ivan !

Divulgaram com precisão e maestria, tão importante evento para a cultura brasileira !

abraço pro dois !